Em março de 2017, o Instagram anunciou os planos de instaurar um sistema de pagamento para reservas de serviços diretamente do perfil das empresas e sem precisar sair do aplicativo. Pouco a pouco e de forma discreta e silenciosa, a rede social está testando o recurso com alguns usuários americanos. Uma dessas pessoas informou que a ferramenta permite que o seja registrado um cartão de crédito ou de débito para se efetivas quantas compras quiser.

instagram payments app testa recurso pagamento

Funcionamento

Segundo os termos de serviços, os pagamentos do Instagram terão as mesmas regras de pagamento do Facebook, já que são geridas pelo mesmo dono. Um dos primeiros negócios a aceitar a ferramenta foi o aplicativo de reservas para restaurantes Resy, mas o Instagram visa incluir ofertas de pagamentos de itens como ingressos de cinema, por exemplo, diretamente do próprio app.

O potencial do Instagram Payments para os usuários é enorme, já que eles ficarão mais seguros em não precisar inserir seus dados financeiros em outras plataformas, focando todos os seus interesses em apenas um local.

 

O impacto para o e-commerce

Por conta da praticidade e da segurança, as empresas online serão impactadas positivamente pela implementação desse recurso, já que é provável que as desistências após encher um carrinho de compras diminuam, tornando o Instagram uma forma ainda mais eficiente de vendas para as empresas. O pagamento nativo ainda está em fases de testes e ainda não há informações sobre os pagamentos P2P do Messenger atuando no Instagram, mas integrar um cartão de crédito ou débito ao perfil pessoal é o primeiro passo para a parceria.

As primeiras ideias de compras dentro do Instagram surgiram em 2016, quando foi permitido que os produtos de uma postagem fossem acessados nos sites das marcas. Dois anos depois, a rede social se juntou com plataformas de comércio eletrônico, como o Shopify, e expandiu o recurso para mais países.

E aí, amigo, como você acha que essa novidade irá impactar no comércio eletrônico?