A rede social comemora seus 10 anos de existência, com um grande aumento de usuários – e sendo avaliada em 20 bilhões de dólares.

 

O LinkedIn é uma rede social segmentada (como vimos aqui), voltada para trabalho e negócios. Com ela, o usuário pode buscar por uma vaga de emprego, aumentar o seu networking e até fechar negócios através do seu perfil, onde lhe é permitido inserir o seu currículo completo. O usuário ficaria à vontade para adicionar outros profissionais de sua área – e até mesmo recrutadores de grandes empresas.

Birthday Candles

 

 

Além disso, é possível participar de grupos, que estão cada vez maiores e se destacando dentro da rede social. É importante que o usuário esteja conectado aos grupos de sua área, podendo expor suas ideias e planejamentos, a fim de ser reconhecido pelos colegas, aumentando assim suas chances de conseguir uma colocação (ou recolocação) no mercado. Outra maneira de utilizar o LinkedIn é interagir através da própria timeline, atualizando-a frequentemente, com conteúdo de qualidade. Há também a opção de salvar publicações, como por exemplo, a inserção de algum artigo escrito em um blog pelo usuário, ou textos do mesmo em revistas. A publicação fará parte do currículo da pessoa.

 

Para as empresas, muitos benefícios foram inseridos – e outros atualizados. O perfil ganhou uma capa, um maior destaque na inserção de seus produtos e serviços, um espaço para inserir slides e a sua própria timeline.
Além dos perfis grátis, há a opção de contas premium. Os planos, classificados em Business, Business Plus e Executive apresentam diversas particularidades: Eles oferecem a opção de observar quem está vendo seu currículo, de receber mensagens diretas, uma maior visualização de perfis, além de muitos outros benefícios. Já no plano Basic (gratuito), as possibilidades são mais limitadas.

 

Hoffmann Reid, criador do LinkedIn, preocupa-se em manter a rede social sempre atualizada, trabalhando com projetos especiais e mantendo-se informado das tendências emergentes das redes sociais. Atualmente, ele é sócio da Greylock Partners, um local onde grandes empresas do Vale do Silício – como o Facebook, Dropbox, Instagram e outras –  estão unidas para o desenvolvimento e aprimoramento das mesmas.

 

Bom, se depender do esforço da equipe do LinkedIn, teremos mais aniversários para comemorar. Segundo pesquisas da EBC, ele é a 4º rede social mais acessada no Brasil.

 

E vocês, utilizam o LinkedIn? Alguém já conseguiu um emprego através do mesmo ou o fechamento de algum negócio? Conta pra gente!