Em 2013, o Google lançou os seus óculos RA (realizada aumentada), item com tecnologia bastante avançada para a época. Mas, dois anos depois o produto não se mostrou tão atrativo para o consumidor, e a sua produção foi interrompida para o desenvolvimento de melhorias. Agora é a Apple, outra gigante da tecnologia, que resolveu apostar no artigo.

A realidade virtual tem se tornado cada vez mais uma tendência, e tem atraído a atenção tanto de marcas como dos consumidores, pois possibilita criar um universo interativo entre as pessoas e o ambiente online e offline. A partir disso, as marcas podem se aproveitar para criar um relacionamento diferente do que é feito em outras plataformas.

apple versao google glass

O projeto da Apple

Para o CEO da Apple, Tim Cook, a realidade aumentada será uma barreira para os aplicativos. Umas das necessidades observadas é que o usuário deseja a inclusão de um fone de ouvido no aparelho, o que ainda não ocorre no Google Glass. E a introdução desse pequeno item poderia melhorar ainda mais a experiência do usuário.

Um relatório recente da Bloomberg, empresa de tecnologia e dados, sugere que a Apple já está trabalhando para desenvolver o produto, com a perspectiva de lançamento até 2020. Mark Gurman, da Bloomberg, afirma que uma equipe foi montada justamente para o desenvolvimento do fone de ouvido para os óculos de RA.

apple versao google glass 01

Tecnologia Apple

O relatório da Bloomberg ainda indica que a Apple está aproveitando a tecnologia aplicada no Apple Watch, como a inserção de um chip com um sistema integrado super potente. O objetivo é investir na tecnologia em 2019 para obter os resultados o mais breve possível, possibilitando o lançamento do produto no ano seguinte.

O controle dos fones de ouvido poderia funcionar através de dispositivos de voz ou por simples gestos de cabeça. Além disso, a Apple também estuda a possibilidade de investir em um projeto mais avançado, com o desenvolvimento de uma loja de aplicativos apenas para produtos de RA.

E aí, amigo, como você acha que as empresas podem se aproveitar do desenvolvimento da realidade aumentada?