O que faz um conteúdo gerar engajamento? Seria sorte? Acredito que você tem a resposta na ponta da língua e, assim como eu, acredita que não. Por outro lado, existe uma regra? Um roteiro a ser seguido? A resposta também é não. Mas alguns pontos devem ser observados e, abaixo, apresento 5 passos para seu conteúdo ter alguma chance de vingar, porque sem nenhum deles, a chance dele se perder no limbo dos conteúdos sem graça é muito grande.

 

Só uma observação: Não é possível pensar em criar conteúdo que gere engajamento sem uma persona bem definida e elaborada. Estamos aqui discutindo um passo à frente disso, você já conhece bastante quem é a pessoa do outro lado que está consumindo seu conteúdo. Depois disso, vamos lá.

 

 

MOEDA SOCIAL

 

Falar sobre algo, seja uma notícia relevante, ou um produto ainda pouco conhecido, pode causar uma boa impressão nos seus grupos de referências (que são nada mais, nada menos, que seus amigos e familiares). Tudo que compartilhamos está intimamente ligado ao que queremos que as pessoas pensem sobre a gente. Então, para fazer com que nosso conteúdo seja passado adiante, precisamos elaborar mensagens que passem essa impressão de importância, exclusividade, algo incomum, ou até mesmo extravagante e exótico.

 

 

GATILHOS

 

Como fazemos para que nossos produtos e marcas fiquem na cabeça das pessoas? Essa pode ser uma daquelas perguntas de um milhão de dólares, mas um bom começo é adicionar gatilhos na mensagem, estímulos que incitem as pessoas a pensarem em coisas relacionadas. Algo do dia a dia delas, como o tempo que elas gastam em uma fila de banco, ou quando uma pessoa te chama para um café e até mesmo quando você coloca a chave na fechadura para abrir a porta de casa, pode acionar em nosso cérebro lembranças de um produto, marca ou serviço. Quanto mais gatilhos nossa mensagem tiver, mais a mensagem estará na cabeça das pessoas.

 

 

EMOÇÃO

 

Se tem algum conteúdo que gera engajamento, é aquele que nos emociona. Quando nos importamos com algo, nós compartilhamos, marcamos pessoas, a gente faz e acontece nas redes sociais para que o máximo de pessoas sinta o que a gente está sentindo. Não à toa, os vídeos de bebês e de gatinhos são sempre os mais compartilhados. Então, mais importante do que as funcionalidades que seu produto tem, é a sensação que ele transmite. Foque nas emoções.

 

 

PÚBLICO

 

Tornar nosso conteúdo mais notável é o que todos queremos. Por isso precisamos planejar para que eles se anunciem por si próprio, criando um resíduo comportamental para que dure mesmo após a pessoa ter comprado o produto ou a ideia. É o que funciona quando vemos um lugar cheio de pessoas, ou um vídeo com centenas de compartilhamentos ou comentários. Inevitavelmente a gente pensa logo que aquilo deve prestar e vai conferir. É assim que conteúdos viralizam e por isso a importância de ter rapidamente muita gente compartilhando nosso conteúdo, porque depois ele caminha com as próprias pernas mais naturalmente. Para isso, existem várias estratégias, como promoções, programas de afiliados e parceria com grandes blogueiros para divulgação, entre outras.

 

 

VALOR PRÁTICO

 

Nosso conteúdo deve carregar a ideia de que tem alguma utilidade. Ele precisa apresentar alguma solução, seja para ganhar dinheiro, poupar tempo ou melhorar a saúde. Com essa ideia de utilidade pública, as pessoas irão passar adiante a mensagem, porque nós gostamos de ajudar os outros. Um exemplo são as correntes que nossos familiares nos enviam. Em todas elas tem sempre uma mensagem que vai mudar a nossa vida (pelo menos para nossa família).

 

 

HISTÓRIAS

 

Conte uma história. Não compartilhamos apenas informação, mas uma narrativa bem feita que carregue alguma moral e lições, é sempre envolvente e gera engajamento. Todos nós gostamos de contar uma boa história, passamos nossa percepção sobre algo em forma de conversa fiada. O grande desafio é embutir nossos produtos e marcas nessas histórias de forma tão natural que as pessoas não se incomodem de contá-las.

 

 

Então faça sempre esse exercício e, antes de postar um conteúdo, confira se ele tem pelo menos algum desses passos. Pense sempre como uma pontuação, para que seu conteúdo seja interessante. Quanto mais elementos ele tiver, mais chances do conteúdo ser relevante.