Em 2014, a Accenture, consultora de Tecnologia da Informação baseada na Irlanda, lançou um estudo sobre os desafios para os executivos de marketing nos próximos cinco anos. Quatro anos depois, as transformações que o marketing digital trouxe ao mundo dos negócios são cada vez maiores.

Durante esse período, vários dispositivos foram criados para otimizar os resultados das empresas. Entre eles foi o WhatsApp como ferramenta de vendas, que cada vez mais vai sendo introduzido no planejamento estratégico das marcas. Isso é o que mostram as pesquisas.

whatsapp como ferramenta de vendas

Dados da pesquisa

 

O estudo foi realizado através de entrevistas com mais de 600 empresários de dez indústrias em onze países diferentes, incluindo o Brasil. Os resultados mostram que em 2014 o cenário já estava mudando em relação ao digital. Entretanto, o maior desafio era não deixar passar as oportunidades de estratégias e posicionamentos para pequenas e grandes corporações.

 

Em pouco tempo, o comércio eletrônico mudou não somente a maneira de divulgar os produtos e serviços, como também passou a mostrar sua potência global. Por isso, as empresas que ainda não voltaram a sua atenção para o virtual estão ficando para trás. Principalmente pelo fato dos consumidores já terem sinalizado que gostam de se relacionar com suas marcas preferidas através do aplicativo.

whatsapp como ferramenta de vendas2

 WhatsApp como ferramenta de vendas

 

O especialista em marketing digital, Conrado Adolpho, afirma que o WhatsApp como ferramenta de vendas tem muita relevância mercadológica. Uma das grandes vantagens é a possibilidade de faturar mais com baixo custo de investimento. Ele diz que as empresas estão tomando um caminho diferente ao usarem a estratégia “onffline”. Redes como o app de mensagens, além do Instagram, Facebook e YouTube não precisam investir muito para obterem grandes lucros.

 

A estratégia consiste em atrair o consumidor para o ambiente online e vender no offline, por isso recebeu esse nome. Como o WhatsApp é o aplicativo mais usado pelos brasileiros – as estátisticas apontam a existência de 1,5 dispositivo móvel por habitante -, ele se torna o principal canal de impulsionamento de vendas, principalmente para os pequenos negócios. Cerca de 40% dos empresários utilizam o app para vendas, o que representa uma grande fatia do comércio eletrônico brasileiro.

 

E aí, amigo, como você acha que o WhatsApp pode ajudar as empresas a faturar mais?