“Antes de iniciar sua incursão pelo mundo das mídias sociais, é importante considerar as lições aprendidas pelas empresas que tentaram fazer a mesma coisa antes de você. Existem inúmeros exemplos de empresas que entenderam errado o que realmente significa estabelecer uma conexão on-line eficiente com seus públicos. Dedique algum tempo para compreender bem essas histórias e aprender com elas para não cometer os mesmos erros. Pag.44”

 

Com esse trecho, começamos nossa conversa sobre um livro que, particularmente, me ajudou a entender bastante as Mídias Sociais.

 

A forma de comunicação com o cliente vem mudando com muita rapidez e nem todo mundo consegue acompanhar essa evolução. Antigamente o que valia era o preço baixo, depois passou a ser a qualidade do produto,  e passou então a ser levada em conta aqueles produtos que falassem a mesma linguagem do consumidor e hoje, a ponte que une cliente e empresa, é o relacionamento.

 

O livro MARKETING NAS MÍDIAS SOCIAIS EM 30 MINUTOS de SUSAN GUNENELIUS é um manual prático para quem deseja conhecer e começar a trabalhar com mídias sociais. A obra está dividida em 4 partes que abordam em termos gerais o uso das Mídias Sociais para complementar a estratégia de marketing das empresas que se preocupam em criar laços com seus clientes.

 

 

Livro-Mídias-Sociais-em-30-minutos

 

 

Parte I – ENTENDENDO AS MÍDIAS SOCIAIS

 

Toda ferramenta mercadológica existe por algum motivo, não é mesmo? E o que tornou as Mídias Sociais tão importantes para a sobrevivência das empresas?

 

“O marketing nas mídias sociais, por si mesmo, proporciona a maior oportunidade – para empreendedores individuais, pequenos negócios, empresas de porte médio e grandes corporações – de consolidar uma marca e os negócios a ela relacionados.” Pág. 27

 

Desde a década de 90 as empresas notaram a importância de estarem na web. Os primeiros sites surgiram e a comunicação foi ficando mais globalizada e, como já sabemos, hoje a globalização fez da comunicação um verdadeiro diálogo. No Brasil, o surgimento do Orkut (In Memoriam) abriu um leque de oportunidades para estes diálogos e pesquisas de mercado mais certeiras com as comunidades e as opiniões postadas pelos usuários. As empresas perceberam que estarem presentes no dia-a-dia dos clientes é muito mais importante que uma propaganda na TV na hora do seu programa favorito, é conversar com o cliente de verdade. E daí veio o boom das Mídias Digitais e as empresas perceberam que o planejamento de Marketing Digital não é modismo e sim necessidade de sobrevivência.

 

 

PARTE II – ONDE DEVO ESTAR PRESENTE?

 

Site, Blog, Facebook, Twitter, Linkedin, YouTube, e-books, e-commerce… são muitos “lugares” que os consumidores estão, mas qual é o mais indicado para sua empresa? Vale a pena estar em todas as redes sociais ou é melhor escolher duas ou três?

 

Na segunda parte do livro conhecemos sobre cada uma das principais Redes Sociais e como estar presente nelas, como se comportam o usuários dessas e como atingi-los.

 

“O incessante comentário online é algo poderoso, e uma empresa que mantenha um blog com conteúdo interessante e útil pode alavancar um bom marketing “boca-a-boca” para seus negócios, através das redes sociais – podendo fazer, inclusive, com que a conversação continue a acontecer offline.” Pág. 88

 

Estar ou não estar presente nessa mídia social? Eis a questão!

 

Tudo depende do seu conteúdo. Pra quem você vende, o que deseja falar, como deseja se comunicar. A estratégia eficaz do marketing é a soma do propósito da sua marca mais a linguagem do seu cliente e, através dessa análise, será possível direcionar o investimento para a Mídia Social mais eficiente. Contudo, conhecer essas plataformas é essencial se quiser ter segurança em seu planejamento.

 

Conheça as mídias, quem são seus usuários, suas Políticas de Privacidade e Condições de Uso, então crie conteúdos verdadeiramente relevantes para fazer valer a pena sua presença estratégica no Marketing Digital.

 

 

PARTE III – CONSTRUA SUA MARCA NAS MÍDIAS DIGITAIS.

 

O conceito da marca é o objetivo mais importante da comunicação, pois é através dela que o cliente vai comprar. Engana-se quem pensa que preço é o gatilho principal o convencimento da compra; se o cliente não se identificar com sua marca ele não vai querer comprar mesmo que esteja em um preço acessível, mas se o cliente entender a mensagem e se sentir tocado por ela, fará qualquer esforço para consumir seu produto.

 

A construção de uma imagem na internet se dá através do uso de várias ferramentas, aqui no DIGAÍ sempre são postadas técnicas para uso dessas ferramentas de marketing. As Mídias Sociais são apenas algumas delas.

 

“Uma marca é uma promessa feita por uma empresa aos seus clientes, cujas expectativas devem ser satisfeitas através da interação entre a empresa e o seu público-alvo e a experiência deste com relação à marca. A consolidação de uma marca no mercado envolve três fatores primários para o sucesso: consistência, persistência, controle minucioso” Pág. 199

 

O que comunicar e como comunicar de forma mais eficiente? Vou usar um exemplo que aconteceu comigo alguns meses atrás:

 

Vi no Youtube a propagada de um banco que, embora tenha uma conta nele não uso com muita freqüência. Achei emocionante a mensagem passada por aquela propaganda, então acessei a Fanpage deste banco e enviei uma mensagem direta elogiado a campanha, sem expectativas de ser respondida eu apenas queria elogiar. Minutos depois recebo a notificação de resposta, eles agradeceram o elogio e ainda me incentivaram a não desistir do que me faz feliz (o mote da campanha deles). Fiquei super feliz por terem sido atenciosos comigo. Resultado: não consegui encerrar minha conta até hoje por causa do laço que foi criado naquele momento.

 

O cliente quer atenção e as Mídias Sociais estão aí para garantir isso.

 

 

PARTE IV – CROSSMÍDIA E EVOLUÇÃO

 

Comunicação não pode ser dividida em online e offline, elas devem estar unidas e fazer parte de um plano só. Interligar a comunicação online com o que está sendo feito offline é a receita certa para unificar sua comunicação. Muitas empresas esquecem disso, mas é importante lembrar que a marca deve ser ela mesma em qualquer lugar; a simpatia da moça do comercial da TV, deve ser a mesma simpatia que o social media vai ter quando responder um cliente no Twitter. Tudo é comunicação!

 

Determine seu objetivo de marketing, identifique a mídias nas quais irá atuar e sempre evolua seu conteúdo. Inove, publique assuntos pertinentes aos propósitos da sua marca e traga o cliente para mais perto através das Mídias Sociais.

 

Por fim… FIM. UFA!

 

Mas isso é apenas um resumo do livro, suas mais de 300 páginas estão repletas de conhecimento para você aplicar na sua estratégia de Marketing Digital.

 

Gostou do conteúdo? Tem algum livro que você gostaria de ver aqui no Digaí? Deixe seu comentário e participa com a gente!