No mundo digital, o site é um grande aliado do empreendedor para conquistar novos clientes e disponibilizar conteúdo de qualidade para o seu público alvo, com um investimento muito menor do que uma loja física. Mas, da mesma forma que ele pode te ajudar a conquistar novos clientes, pode afastá-los também, dependendo da forma como as ideias são apresentadas, a usabilidade e outras cositas, que vamos falar no decorrer desse post.

 
Com as ferramentas disponíveis no mercado atualmente, criar e manter um site tornou-se algo mais acessível tanto financeiramente quanto na questão da manutenção. No entanto, há vários detalhes que precisam ser pensados no momento de sua criação e, um deles, é o design.

 

O design será responsável pela experiência que o usuário terá no seu site. Será responsável, também, pela apresentação do conteúdo, pela usabilidade, mobilidade e muito mais. E quando falamos em design, temos que pensar, além da forma como as coisas serão apresentadas, em como serão apresentadas também.

 

Veja, então, alguns itens importantes a se pensar sobre o design do seu site que vão te ajudar a aumentar seus resultados.

 

 

Usabilidade

 

Imagine que você entra hoje em uma loja de roupas para comprar uma camiseta. Tarefa simples, né? Mas, ao entrar na loja, você não encontra uma roupa sequer: estão todas escondidas. Ou pior: você encontra uma pilha gigante de roupas, onde tem de tudo: camiseta, shorts, calças e blusas, todas misturadas e sem etiqueta.

 

 

 

Você compraria nessa loja? Não, né? Eu também não!

 

Agora imagine a mesma situação, só que online: você acessa um site e não encontra nada. Os produtos/serviços não estão bem discriminados ou são de difícil acesso. Ou ainda, para que a pessoa possa comprar algo tem que dar infinitos cliques e quase que dar cambalhotas! Ou pior: as mensagens não são claras e  a navegação é complicada. Só com muita persistência para ela comprar, né?

 

A usabilidade diz respeito exatamente a isso: muito mais que a estética do site, temos que nos preocupar com a facilidade de navegação do usuário. Ele tem que realizar as ações que deseja de forma simples e fácil.

 

Sempre que falo sobre usabilidade, gosto de pensar em um design intuitivo e que a pessoa não demore a entender como utilizar. Imagine se, cada site que você acessa, você tivesse que assistir uma vídeo aula para aprender a navegar. Complica, né?

 

É sempre legal pensarmos em algo intuitivo e que não exija muito conhecimento do usuário para a navegação. Guie a navegação do seu usuário 🙂

 

Se você utiliza WordPress, deve ter cuidado ao escolher o tema que vai utilizar e sempre pensar se as informações são fáceis de serem encontradas. Não adianta você ter um layout super incrível, por exemplo, mas que o menu está escondido e a pessoa tem dificuldade pra sair da primeira página.

 

 

Mobilidade

 

Atualmente, muitos são os meios de se acessar um site: computador, tablet, celular. Cada um com um tamanho de tela diferente e que você não sabe qual é. Revire um pouco suas lembranças e busque alguma vez que você estava doido pra acessar um site e, ao acessá-lo pelo celular, teve que ficar redimensionando a tela, as letras estavam pequenas, tudo bagunçado. Chato, né? Quanto tempo você ficou nesse site? Tenho certeza que pouco!

 

Nos dias de hoje, é importante que ao pensarmos no design do site, nos preocupemos também com a mobilidade. O site deve ser responsivo, isto é, permitir a navegação tanto em computadores quanto em celulares e tablets.

 

 

 

Uma forma legal de verificar seu site no que diz respeito à experiência do usuário é utilizar a ferramenta PageSpeed Insights que falei nesse artigo aqui), que vai te dar uma nota com relação à experiência do usuário e sugerir o que você pode melhorar.

 

E se você usa wordpress, escolha um tema responsivo! A maioria dos oferecidos hoje já são, mas não esqueça de fazer testes antes de escolher um, para que você não se apaixone por um layout que não vai atender a todas as suas necessidades.

 

 

Estética

 

Vamos à mais uma cena: você vai a uma palestra sobre esportes radicais. Chega lá e o palestrante está de terno e gravata. Fica meio esquisito, não é?

 

 


 

 

Uma coisa que sempre precisamos pensar com relação à estética é que tem que ter a ver com o nosso público alvo. Cores, logo, imagens, posicionamentos. Tudo tem que “casar” com o que o seu público espera encontrar, para que ele se sinta acolhido e também sinta que está no lugar certo.

 

E mais que isso, sempre devemos nos lembrar que a comunicação visual da nossa empresa deve ser coerente em todos os materiais que utilizamos para divulgação, como banners, cartões, site, letreiros, etc.

 

 

Conteúdo

 

É sempre importante que nosso site ofereça conteúdos de qualidade e que dizem respeito ao que o nosso público espera encontrar. Além da qualidade do material é importante pensar na organização dele também, de uma forma que seja fácil de ser encontrado.

 

 

Evite

 

  • textos confusos
  • textos irrelevantes
  • ausência de possibilidade de pesquisa
  • conteúdos ambíguos.

 

Aposte em

 

  • separação de produtos/serviços/artigos em categorias
  • textos claros e objetivos
  • técnicas de webwriting

 

 

Imagens

 

As imagens tem um papel muito importante no desenvolvimento das interfaces, sendo grandes responsáveis por captar a atenção do cliente. Utilize sempre imagens que valorizam o produto/serviço e se atente aos seguintes detalhes:

  • Cuidado com o plano de fundo
  • Humanize as fotos
  • Cuidado com as cores
  • Para produtos, utilize imagens que permitam que o cliente possa ter uma ideia real de sua dimensão (tamanho)
  • Utilize imagens no tamanho e formato correto

 

 

Para encerrar: o design é mais uma pecinha do quebra cabeça do seu projeto

 
Um projeto é composto por várias partezinhas que vão se encaixando, como num quebra cabeça. Não adianta termos uma parte super, super top, se falhamos na outra. Se temos um bom conteúdo e um site de péssima navegação ou um site com um design super incrível mas um conteúdo de pouca qualidade, vamos acabar deixando várias oportunidades passarem.

 

Na maioria das vezes, pequenos detalhes fazem toda a diferença e isso vale para qualquer parte do nosso projeto.

 

E você, já navegou em algum site que te lembrou algum dos pontos citados aí em cima? Compartilha suas experiências com a gente, vai 😉 Um beijo!