A publicidade digital tem se tornado cada vez mais uma estratégia eficiente para as marcas. E uma pesquisa recente confirmou isso ao mostrar que anúncios com links são bem vistos pelos brasileiros. O levantamento foi intitulado “Só Investir Não Basta – As Expectativas do Consumidor para Marketing Digital no Brasil”.

O estudo foi realizado pelo The Boston Consulting Group, uma das empresas de consultoria mais respeitadas no mundo. Para coletar as informações, a instituição contou com a participação de aproximadamente 3 mil consumidores habituados a utilizar a internet para atividades do dia a dia.

celular mostrando métrica do marketing digital

Anúncios com link

Segundo a pesquisa, 56% dos usuários da internet estão propensos a clicar em anúncios com link. Esse valor ainda pode ser maior caso o endereço chegue através de um e-mail (77%) ou busca orgânica (67%). O estudo também mostrou que boa parte dos entrevistados já fez alguma compra em loja virtual.

Dos que participaram da pesquisa, 65% já compraram em e-commerces e 56% revelaram ter pesquisado o preço online antes de adquirir um produto em loja física. E os anúncios nas páginas têm se tornado um grande aliado das empresas que desejam aumentar o número de vendas. E escolher o canal ideal pode fazer toda diferença.

smartphone mostrando e-mail

E-mail marketing

Já falamos aqui no Digaí da importância e eficácia de utilizar o e-mail como ferramenta na conversão de vendas. Não à toa, 70% dos entrevistados da pesquisa disseram que foram expostos a anúncios clicáveis em seus e-mail. Outros 56% disseram ter visto anúncios em vídeos e outros 47% em banners de sites.

E só ver o anúncio não garante vendas para as empresas. Entretanto, 66% revelaram ter comprado algo na internet após ter clicado em anúncios online. Aos poucos, o marketing digital vai ganhando espaço no Brasil, embora ele ainda esteja engatinhando. Pesquisas mostram que apenas 25% do investimento do marketing nacional é direcionado para o ambiente digital.

E aí, amigo, quais estratégias de marketing digital você utiliza na sua empresa?