De acordo com o novo Relatório de Ameaças à Segurança 2018, desenvolvido pela consultoria global Protiviti, mais de um milhão e cem mil computadores no Brasil foram infectados apenas no mês de maio de 2017. O caso polêmico e recente dos vazamentos de dados dos usuários do Facebook mostra o quão desprotegidas estão as empresas no ambiente virtual, mesmo depois de tantos investimentos para a segurança na área.

pesquisa revela empresas vulneráveis ataques virtuais

Dados da pesquisa

O relatório da Protiviti é baseado em análises profundas de varreduras de vulnerabilidade e testes de infraestrutura e sistemas de TI em mais de quinhentas organizações. As análises foram realizadas nos laboratórios de segurança cibernética nos Estados Unidos ao longo de nove anos. A conclusão tomada é de que as empresas continuam falhando na segurança de seus sites, principalmente as de serviços financeiros, saúde, tecnologia, mídia e indústrias de energia.

A maioria das questões podem ser corrigidas facilmente de forma proativa, especialmente dentro dos aplicativos das empresas. Segundo o especialista da Protiviti, Marco Ribeiro, é apenas uma questão de tempo para que as empresas sejam atacadas, por isso é importante reforçar o investimento na segurança da informação.

pesquisa revela empresas vulneráveis ataques virtuais 01

Princípios básicos de segurança

Com os resultados da análise, a Protiviti identificou cinco princípios básicos de segurança para garantir a redução do risco de violações: assegurar o bloqueio de ex-funcionários, conscientizar os funcionários sobre os cuidados necessários no mundo virtual, conhecer a fundo o seu próprio TI, manter os modelos de segurança adequados de acordo com a necessidade da empresa e utilizar profissionais especializados em segurança da informação.

Os cinco princípios são essenciais para que as empresas melhorem a sua segurança e evitem dores de cabeça desnecessárias, pois a tendência é que mais ataques virtuais contra marcas aconteçam no futuro.

E aí, amigo, você está investindo na segurança virtual da sua empresa? Conta pra gente!