Eu vou confessar que, quando fiquei sabendo dessa história, eu não sabia ao certo se estava mais impressionada com o número de visualizações do vídeo (mais de 2 bilhões… tem noção?!) ou com o fato do contador do YouTube poder “quebrar”. A notícia foi dada pelo próprio YouTube na sua conta do Google+: (O vídeo) Gangnam Style já foi visualizado tantas vezes que nós precisamos realizar uma atualização, dizia a postagem.

 

Ao-ultrapassar-2-bilhoes-de-views-Gangnam-Style-da-tilt-no-contador-do-Youtube-Mas-calma-digai

 

Para quem não lembra (duvido muito), Gangnam Style é a música de lançamento de um rapper coreano chamado Psy que estourou nas paradas do sucesso (em todas!) em 2012. No vídeo, o rapper finge ser um cowboy e faz dancinha de cowboy ao longo de praticamente toda a música. Nessa semana, a contagem de visualizações do YouTube para este vídeo atingiu 2.147.483.647 e parou de contar a partir daí.

 

Calma! O Youtube não quebrou, só travou.

 

Eu vou tentar explicar de forma simples o que aconteceu (leitores entendedores de computação, me ajudem aqui). Qualquer dado inserido num computador ocupa obrigatoriamente uma porção da memória RAM dessa máquina. Isso vale até para um numeral que é inserido. E à medida que esse número aumenta, mais e mais memória RAM será utilizada. O maior número que uma memória de 32-bits suporta – o Youtube até então utilizava memória de 32-bits – é 2.147.483.647. O que aconteceu foi que o clipe do Psy quando atingiu esse número, atingiu também o limite da memória 32-bits.

 

A questão também é que em maio desse ano, quando o hit coreano chegou a 2 bilhões de views e alcançou um recorde mundial, não se imaginava que o limite de memória seria ultrapassado. Mesmo assim, os engenheiros do Google já ficaram de olho e essa semana o que eles fizeram foi atualizar a memória de 32-bits para 64-bits. Fazendo uma comparação a grosso modo, foi algo similar ao que nós fazíamos com nossos computadores pessoais em casa quando contratávamos um técnico para aumentar a capacidade de memória do nosso PC, realizando uma simples troca.

 

Agora com a recente atualização, o contador de visualizações do YouTube é capaz de registrar até 9,223,372,036,854,775,808. Deixa eu te ajudar a pronunciar esse numerão todo: 9 quintilhões, 223 quatrilhões, 372 trilhões, 36 bilhões, 854 milhões, 775 mil, 808. Pronto! Se o Psy quiser “quebrar” o YouTube mais uma vez, vai precisar ultrapassar essa quantidade de views aí.

 

 

Você ainda tem alguma dúvida sobre o poder e o potencial do YouTube como uma ferramenta supereficiente de marketing digital?

 

Comente aqui, eu e o Dig queremos saber.

 

Conheça o e-book “7 Lições Que Aprendi Com os Youtubers de Sucesso”, do Felipe Pereira, clicando no link:
BAIXE AGORA!