O maior desafio no Marketing de Conteúdo é produzir um texto atraente e que apareça nos mecanismos de busca. Conheça sete dicas fundamentais para o seu texto funcionar na web.

 

Um dos erros mais frequentes na web é escrever da mesma forma que se escreve no papel. Na hora de escrever para a internet, deve se levar em consideração o comportamento do usuário web.

 

A tela do computador ou outros dispositivos móveis tornam a leitura menos confortável, portanto é crucial atentar às técnicas de webwriting.

 

Fonte da imagem: http://www.toasto.com

Fonte da imagem: http://www.toasto.com

 

 

Além de atraente, o seu conteúdo online precisa cumprir uma função. Seja para informar, ensinar, divulgar ou vender; é fundamental que você consiga:

 

a) Despertar o interesse no leitor
b) Envolvê-lo na mensagem
c) Conduzi-lo à uma ação

 

Quando se trata de redigir, não há técnica que supere o seu conhecimento sobre o assunto a ser escrito. Mas, as dicas abaixo vão fazer sua mensagem funcionar muito melhor. Confira.

 

1. Conheça o seu público, crie uma persona

 

Parece óbvio, não é? Pois é exatamente neste ponto que muitos redatores escorregam na casca de banana. Escreva como se você tivesse conversando com um leitor específico e não para o mercado em geral.

 

Crie uma personagem: pense em todos os detalhes. Qual é a idade dele(a)? Do que ele(a) gosta? O que ele(a) lê? Quais são os interesses dele(a)? Qual vocabulário ela(a) utiliza?

 

Com essas respostas, você vai ser capaz de identificar termos e a linguagem que mais lhe aproximará de seu público. Isso criará empatia.

 

 

2. Capriche no título

 

Leitores não fidelizados não leem, eles passam os olhos. Seja claro no título e chame a atenção.

 

Procure usar os termos mais objetivos possíveis. A menos que você seja um escritor famoso e com muitos leitores fidelizados, fuja de expressões subjetivas no título.

 

O título deve indicar em poucas palavras, o teor completo da mensagem.

 

 

3. Utilize a pirâmide invertida

 

Se o leitor passou do título e continuou, agarre-o na introdução. Utilize a técnica jornalística da pirâmide invertida: entregue o resumo da informação principal logo de cara, no primeiro parágrafo.

 

É aí que você vai convencê-lo a continuar a leitura. Se o título de um texto define se o leitor vai ler ou não, é no primeiro parágrafo que ele decide se prossegue ou não na leitura.

 

Portanto, diga de uma vez o que ele vai ter de benefício se continuar lendo.

 

 

4. Corte palavras

 

O leitor na web tem pressa e está a um clique de sair de sua página. Ele quer ler o máximo de informação no mínimo espaço de tempo possível.

 

Assim, facilite a memorização do que é realmente importante. Corte tudo o que puder ser cortado, sem alterar o sentido da oração.

 

Cuidado especial com os adjetivos e advérbios. Eles não existem para enfeitar, mas sim para acrescentar alguma característica importante ao contexto. Elimine palavras desnecessárias. Como todos sabem, escrever é cortar palavras.

 

 

5. Não canse o leitor

 

As frases e parágrafos devem ser curtos para não causar cansaço na leitura. Na internet, evite frases maiores do que uma linha e meia (em Arial ou Times New Roman 12). Parágrafos não devem ultrapassar as quatro linhas. Estourando, cinco.

 

Geralmente, as pessoas pulam a leitura quando olham aqueles blocos grandes de textos. Por isso, quebre em blocos menores sem dó.

 

Entre dois sinônimos, escolha sempre o mais curto. Exemplo: Automóvel ou carro? Carro. Colocar ou Pôr? Pôr. E por aí vai… Entre dois curtos, escolha o mais simples. Entre voz ativa e voz passiva: voz ativa. Gerundismo? Vamos estar evitando também.

 

 

6. Proporcione a leitura escaneada

 

Seu texto é grande e você quer que seu leitor siga até o final?

 

Destaque as palavras mais importantes em negrito, para que ao passar os olhos o usuário já tenha ideia do que se trata o texto inteiro.

 

Use listas e subtítulos para quebrar os blocos de informação.

 

7. Chamada para ação

 

É fundamental. Nem que seja somente um convite para um comentário. Qual o seu objetivo com esse texto?

 

Você precisa fechar sua mensagem com pelo menos uma chamada para o que deve acontecer a partir da leitura do seu material.

 

O que o leitor deve fazer agora? Alguns exemplos de chamadas: “Assine nossa Newsletter”, “Comente”, “Contrate nossos serviços”, “Escreva para mim”, “Saiba Mais”, “Compartilhe”, etc.

 

 

Enfim, num momento em que o Marketing de Conteúdo ganha mais importância a cada dia, o seu texto tem que valer a pena.

 

Independentemente de qual o assunto a ser tratado, os passos acima ajudarão sua mensagem a cumprir sua função no mundo virtual.

 

Se quiser complementar com dicas sobre SEO, leia o Ebook 16 Erros que impedem seu site de estar na primeira página do Google.

 

E você, já adota algumas dessas técnicas?