O Facebook recentemente alcançou 2 bilhões de usuários mensalmente. Agora, a rede social, visando melhorar ainda mais a qualidade do feed de notícias, está com uma nova arma contra o Spam. Agora, Mark Zuckerberg vem restringindo ainda mais o alcance de certos tipos de usuários que utilizam de Spam para ganhar cliques.

face

Anti-spam no Facebook promete erradicar links enganosos

Esses usuários utilizam links de forma massiva, onde, desde o ano passado, as postagens com links externos já vinham ocupando lugar de pouco destaque em comparação às publicações que tenham conteúdos visualizáveis na própria rede social. Mas para prevenir ainda mais uma possível perda de usuários, o Facebook vai intensificar mais essa luta com o seu anti-spam.

Mas por que a luta contra esses usuários que utilizam links?

Na grande maioria das vezes as páginas utilizam esses links como “jogadas”, ou seja, uma isca para o público clicar, mas não oferecem nenhuma informação relevante. Elas normalmente apresentam um conteúdo que não agrega em nada para os usuários, que clicam ansiosos pela chamada que é exposta no título do post, mas que na realidade não disponibiliza um conteúdo condizente com o que foi anunciado.

Por essa razão, Mark Zuckerberg que visa o disponibilizar uma experiência de uso positiva para seus usuários, e claro, não quer perder os seus usuários, procura erradicar o descontentamento do público, que é enganado por esses spams.

smartphone-2271722_1920

“Pesquisas mostram que há um pequeno grupo de pessoas que rotineiramente compartilham grandes quantidades de postagens públicas por dia, enviando spam para o feed. Esses estudos também apontam que tais links compartilhados tendem a incluir conteúdo de baixa qualidade, como títulos caça-cliques, sensacionalismo e desinformação”. Disse o vice-presidente Adam Mosseri, em comunicado emitido no blog da empresa.

Adam diz que as medidas foram postas em prática “para melhorar o feed de notícias, distribuir mais histórias que as pessoas achem informativas e reduzir a propagação de links problemáticos”.

Você pode estar se perguntando se isso vai mudar alguma coisa na utilização do Facebook. Calma, amigo, não vai mudar em nada, sua experiência na rede social continuará a mesma, só que de forma mais otimizada.

Spam não é marketing digital

Então, amigo, cuidado com o que você compartilha em sua página de negócios, procure ser sempre íntegro e sincero com seus seguidores. O Facebook está cada vez mais atento à qualidade do que é produzido e compartilhado dentro da plataforma. Além disso, seu público quer e merece um conteúdo relevante.

Se você usa esse tipo de artifício para conseguir cliques, reveja seu planejamento. Além de ser antiético, é uma ação prejudicial para o seu negócio. Ao compartilhar conteúdo de alta qualidade, suas chances de ter mais alcance, aumentam. Lembrando que, Spam não é marketing digital.

E aí, amigo? O que achou do anti-spam do Facebook? Acha que vai te ajudar? Conte pra gente.