Nós já falamos aqui no Digaí sobre o perfil do profissional digital, que corresponde àquelas pessoas que estão desenvolvendo as novas profissões que surgem e crescem com o avanço da internet e dos meios de tecnologia de informação. Por não serem tradicionais, a novidade parece estar sempre presente na rotina desses profissionais.

 

Algumas das novas profissões surgiram da necessidade de adaptar um modelo já existente à nova rotina online. Como é o caso do Digital Planner.

 

 

O que é e o que faz um Digital Planner?

 

 

via GIPHY

 

 

A figura do Digital Planner corresponde ao Planejamento, já existente na maioria das agências. Sendo que este primeiro está inteiramente focado no conteúdo que será produzido para o ambiente digital. Ele pode estar presente em agências digitais ou tradicionais que possuam um núcleo voltado para o digital. Suas ações, sempre que possível, devem ter sintonia com o posicionamento da marca também no offline.

 

O digital planner tem como principal objetivo criar estratégias digitais para atingir um objetivo pré-determinado, definir os caminhos da comunicação, otimizar o investimento do cliente em campanhas assertivas, entender bem o ambiente e ferramentas digitais, seja uma campanha de branding, recall, conversões, vendas, datas especiais, etc.

 

Existem alguns pilares bases para fazer um planejamento digital, são eles:

 

 

Realizar pesquisas

 

É necessário estudar bem o mercado, cenário, concorrentes e a marca que se vai trabalhar. É importante analisar o público alvo e o mercado, via ferramentas, tais como: Facebook Insights, Google Trends, Analytics, ferramentas de monitoramento, entre outras. Assim como fazer um Benchmark para entender seus concorrentes, como está sendo feita a comunicação e campanhas e seu posicionamento no mercado.

 

 

Entender o problema do cliente

 

Nem sempre o cliente sabe qual é o seu problema, portanto, é preciso estudar bem o problema e analisar as pesquisas feitas para gerar os insights que trará o caminho criativo da campanha.

 

 

Análise dos dados

 

É muito importante que se tenha uma análise detalhada dos dados obtidos para transformar em informação relevante. É necessário que se tenha inteligencia por trás dos dados, um olhar crítico de conhecimento para gerar insights e fazer conexão.

 

 

Definir quais canais serão utilizados

 

Nem sempre a marca precisa estar em todas as redes sociais digitais, portanto, é preciso entender bem o poder e o público de cada uma delas, bem como o público da marca ou campanha a ser realizada, para que sejam utilizados os canais certos, com a comunicação exata, no tempo correto e nos formatos ideais.

 

 

Quero ser Digital Planner, e agora?

 

 

 

via GIPHY
Quem tem interesse em se especializar na área pode aprender sobre a rotina e atribuições desse profissional através de cursos e aplicando os conhecimentos ao seu dia a dia.

 

No próximo sábado (14) , a Berlim Digital vai realizar o curso Conteúdo e Redação Digital em Recife, no qual será abordado além da prática em redação digital, o planejamento do conteúdo, bem como a utilização de ferramentas para entender melhor o público alvo e otimizar os posts em várias redes sociais digitais.

 

A boa notícia: os leitores do Digaí têm 10% de desconto! o/ Quem tiver interesse, basta enviar um e-mail para [email protected] solicitando o link para pagamento.