ATUALIZAÇÃO (em 08/04/2016) = esse post foi escrito menos de um ano atrás e nós no Digaí já sentimos uma necessidade incrível de atualiza-lo. Muitas novidades aconteceram no mundo do Snapchat desde então, além do próprio crescimento e amadurecimento da ferramenta.

Então, o que vocês verão abaixo é uma versão atualizada do post que soltamos em junho de 2015. O texto continua o mesmo, mas a lista foi ampliada e agora sugiro 20 contas legais para vocês seguirem no Snapchat.

 

 

O Snapchat chegou para ficar e não tem mais jeito. O que pode até ter começado como uma ferramenta queridinha dos adolescentes, virou coisa séria e empresas, veículos de comunicação e produtores de conteúdos interessante estão alimentando do Snapchat diariamente com vídeos relevantes. Para ajudar os novatos a serem conquistados de vez pelas possibilidades desta novidade, listamos algumas contas legais para acompanhar por lá. Mas vamos começar do começo.

 

 

O que é Snapchat?

 

Se você ainda não sabe, ok, a gente não conta para ninguém. Mas para corrigir isso, vamos lá:  o Snapchat é uma rede para troca de vídeos e fotos  (com legendas, desenhos e carinhas) que se diferencia de semelhantes por obrigar os usuários a filmarem na vertical e por apagar os conteúdos depois de um tempo. Então, vídeos mais ou menos curtos, enviados para o grupo de seguidores de forma privada ou não, e que depois desaparecem. Essa é a graça.

 

Para ajudar os velhinhos (pessoas com mais de vinte anos) a entenderem a ferramenta, o próprio fundador do Snapchat Evan Spiegel divulgou, ontem, esse vídeo. A qualidade de som e imagem não é das melhores, mas ele explica bem direitinho como o Snap funciona.

 

 

Coisa de adolescente? Não mais.

 

Lançado há quatro anos, o Snapchat acabou só ganhando mais popularidade por aqui recentemente. Há alguns meses, durante o festival South by Southwest, meu irmão Tito Melo (snap: otitomelo), um jovem da “geração Snapchat”, fez este vídeo para o YouPix sobre a ferramenta. Ele conversou com Edney Souza, vulgo Interney, sobre o sucesso do Snap.

 

É verdade que os adolescentes amam o Snapchat, mas não é só isso. A ferramenta cresceu e atraiu públicos diferentes. Segundo o TechCruch , o Snapchat vale 15 bilhões de dólares. Continua sendo um veículo com uma proposta bem jovem, mas dá para ser jovem com conteúdo relevante. Então empresas, YouTubers e produtores de conteúdo que, de alguma forma, já tinham um comunicação próxima com seus públicos, aderiram ao Snap como mais uma maneira de conversar. E o négocio ficou interessante.

 

 

Quem seguir? 10 contas legais no Snapchat.

 

Eu gosto do Snapchat. Mais ainda sou iniciante. Para elaborar esta lista, eu conversei com meu outro irmão (sim são muitos), Lucas Melo. Ele é diretor de TV, snapchatter e, como ele mesmo diz, “embaixador do Snapchat no Brasil”! O cara já tinha essa lista pronta! O critério dele para fazer as indicações é o seguinte: contas que postam conteúdos interessantes com frequência. Na lista, temos brasileiros, estrangeiros, pessoas físicas e jurídicas.

 

Então vamos lá: 10 contas para a gente seguir no Snapchat:

 

1) trouva – O perfil de Thalles Viola Trouva, apresentador do Legendários na Web. O legal é que ele brinca com o próprio formato do negócio.

 

2) rebiscoito – A blogueira do Biscoitices tem um Snap animado. Ela fala de relacionamentos e posta até diários de dates.

 

3) arnoldshnitzel – É surpreendente, mas a Internet concorda: o Snap de Arnold Schwarzenegger é bem interessante!

 

4) caseyneistat – Casey Neistat é um produto de vídeos de Nova York. No Snap ele posta, praticamente todos os dias, um preview dos vlogs diários de seu canal no YouTube.

 

5) shonduras – Bobeiras engraçadas feitas de um jeito interessante. Sem mais.

 

6) mia_mello –  Miá Mello é atriz de séries e filmes como Meu Passado Me Condena e Acredita na Peruca. No Snapchat ela mostra os bastidores dos trabalhos dela, como a pré-estreia de Divertidamente no qual ela dubla Alegria.

 

7) mashable – O Mashable é  um dos melhores veículos de notícias sobre tecnologia, entretenimento e negócios do mundo. Recentemente, eles mesmos publicaram um artigo contando como foi o primeiro ano deles no Snap.

 

8) thenytimes – Lembram de quando se usava a expressão “jornalão”? O New York Times é um dos que ainda merecem esse título. Nesse artigo, eles explicam “como uma empresa de mídia tradicional se encaixariam em uma ferramenta conhecida por selfies ruins?”.

 

Nesta lista, eu acrescento:

 

9) johngreensnaps – É a conta do escritor e youtuber John Green. Ele mesmo se diz “velho demais para o Snapchat” mas ele está se virando direitinho por lá. Muitas novidades de bastidores, além das observações 50% filosóficas 50% bobonas que são a cara dele.

 

10) olucasmelo – Lucas Melo é o meu irmão que fez essa lista. O cara entende do negócio e mantém uma conta bem animada no Snap, com atualizações sobre trabalho, criatividade e coisas curiosas que ele encontra por aí.
11) @thaynaraog – Procure matérias sobre a advogada Thaynara Gomes e você irá encontrar várias vezes a palavra “fenômeno”. Não é pra menos. Ela se tornou, muito rapidamente, a maior snapchatter do Brasil. O canal dela é uma bobagem só. Mas é uma bobagem divertida e bem editada. Thay é super engraçada e sabe usar bem o melhor que o snap tem para oferecer: interação, cortes rápidos, opções de rabiscos feiosos. É impossível não rir.

 

12) @fabiodemelo3 – O padre mais famoso do Brasil já era uma maravilha no Twitter. Mais recentemente ele tem levado a mesma leveza para tratar dos assuntos importantes do Brasil e do mundo (ou não) no Snapchat. Nenhuma pregação, muitas piadas infames.

13) @burberry – a grife de roupas marcou seu lugar relevante no Snapchat quando, no final do ano passado, apresentou a coleção de primavera ao vivo e em tempo real pelo app. É uma conta legal tanto para quem quer ver o que grandes marcas podem fazer por lá, ou para quem quer só ver figurinos bonitos mesmo.

 

13) @mentalfloss – o gigantesco canal de ciências do YouTube traduz os conteúdos para o Snapchat com postagens diárias, divertidas e simpáticas. São pílulas de sabedoria sobre biologia, física, química ou só curiosidades bacanas mesmo.

15) @UNFoundation – Sim, a Organização das Nações Unidas (ONU) está no Snapchat e a conta deles lá é bem legal. Os snaps são uma forma bem direta e leve de tratar temas importantes para o mundo.

 

16) @iLikeRockets – Destin Sandlin é o cara por trás do canal do YouTube Smarter Everyday que mostra fatos e experimentos de ciência, na maioria das vezes, física, engenharia e traquitanas em geral. No Snapchat, ele mostra os bastidores destas produções, além de sua rotina com os quatro (quatro!) filhos fofinhos dele.

 

17) @belpesce – A empreendedora de tecnologia e eterna garota do Vale está no snapchat para falar disso mesmo, novos negócios, apps, softwares e tudo mais. Nos últimos dias, ela tem mostrou a viagem dela com vários outras pessoas legais da internet pelos Estados Unidos. O grupo visitou grandes empresas e startups promissoras.

 

18) murilogun – Comediante e palestrante de criatividade e inovação. O snap dele é um boa mistura entre posts inteligentemente bobos e posts bobamente inteligentes. Tem também aqueles apenas engraçados, e aqueles só informativos.

 

19) ggoffi – ex-jogador profissional de poker e atualmente um empreendedor, especialista em inovação e alta performance, que apresenta várias dicas e insights sobre empreendedorismo, biohacking e produtividade.

 

20) felipeunu – o próprio Felipe, criador do Digaí, empreendedor, professor e consultor de marketing digital, que compartilha seu dia a dia profissional e insights de negócios, empreendedorismo e marketing digital.

Inclusive, ele tem um vídeo muito bacana citando os 5 motivos para você utilizar o Snapchat no seu negócio. Até porque, é um aplicativo que cresce cada vez mais em número de usuários, então, vale a pena ter a sua marca lá. Confere abaixo 😉

Outra dica boa é lembrar de checar os “canais” do Snapchat. CNN, MTV, National Geographic e Cosmopolitan são alguns dos que criam conteúdos por lá.

 

 

Apesar de ainda estar experimentando, estou curtindo o Snapchat. E vocês?