Que seus clientes precisam acreditar em você e no produto (ou serviço) que você oferece, isso não é novidade. Confiança tem a ver com boa reputação. E uma boa reputação é fundamental para quem quer alcançar sucesso nos negócios. A base dela é a confiança que o público deposita no seu negócio:  uma das coisas mais difíceis de se conquistar e uma das mais fáceis de se perder. É um trabalho árduo para construi-la e também para mantê-la.
 
 

“São necessários 20 anos para construir uma reputação e apenas cinco minutos para destruí-la.” (Warren Buffet)

 
 

Confiança é um dos principais fatores decisivos numa compra, se não for o principal. O que ela tem a ver com a reputação? 

 

Você já preferiu comprar um produto bem mais caro ao invés de comprar aquele genérico porque confiava mais naquela marca? Alguma vez você ouviu aquela voz interna dizendo que o produto de marca iria funcionar melhor do que o genérico, mesmo sabendo que eles são praticamente iguais?

 

Aposto que sim. O que fez você, muitas vezes, comprar o produto mais caro foi a reputação da marca.  E olha que até agora estava falando de produtos físicos. Agora, imagine a compra de produtos e serviços online! Pense nas razões que te fariam se sentir desconfortável ou inseguro numa compra online. Agora coloque-se no lugar de seu cliente e imagine o que poderia fazê-lo hesitar na hora de comprar de você pela internet.

 
 

Quando você vende serviços ou produtos pela web, você tem que estabelecer muito mais confiança porque o comprador não pode examinar seus itens imediatamente e na maioria das vezes, ele não faz ideia de quem é você. Ele tem que esperar para receber o produto ou serviço. Ele tem que confiar que você não vai desaparecer com o dinheiro dele. A boa reputação é fundamental neste processo de decisão de compra.

 
 

É evidente que uma relação de confiança é construída com o tempo. Se você criar um bom produto ou serviço e cumprir com suas promessas, já estará no bom caminho.  Mas, algumas ações vão potencializar a relação de confiança e sua boa reputação com os clientes e prospects. Atente para elas:

 
 

1. Conteúdo de qualidade

 

Entregue sempre conteúdo de qualidade: se tiver que optar entre qualidade e quantidade, fique com a primeira opção.

.

 

2. Apelo emocional

 

Cuidado com o excesso de apelo emocional: o texto para a internet deve conter apelo emocional, sem dúvida. Mas, quando utilizado em excesso pode fazer com que o usuário se sinta manipulado. É preciso dosar bem. Não exagere.

 
 

3. Depoimentos

 

Utilize múltiplos depoimentos reais de clientes satisfeitos. Nada melhor do que a recomendação de outras pessoas que também adquiriram o mesmo produto/serviço.

 
 

4. Aparência e usabilidade

 

Aparência profissional e usabilidade: o site/blog tem que ser bonito e mais importante ainda, tem que ser pensado para facilitar a vida do usuário. Nada mais irritante do que sites complicados e não intuitivos.

 
 

5. Atualizações

 

Procure atualizar o site com frequência para evitar qualquer sensação de abandono. O cliente pode fazer uma analogia e acreditar que você vai abandoná-lo também.

 
 

6. Informações de contato

 

O cliente deve encontrar as informações de contato facilmente. E de preferência, com mais de uma opção de contato: e-mail, telefone, mensagem no próprio site, endereço, etc.

 
 

7. Políticas claras

 

Se você vende algo pelo seu site ou blog, inclua políticas de envio, de reembolso e tudo o mais que for essencial esclarecer aos interessados. Isso dá segurança a quem vai fazer negócios com você.

 
 

8. Imagens

 

Utilize imagens de boa qualidade: atente para qualidade da sua imagem e de seus produtos. Imagens com resolução ruim ou mal recortadas dão a sensação de desleixo.

 
 

Ao cuidar desses aspectos, certamente você estará dando uma força e tanto na construção ou manutenção de uma boa reputação. Você concorda? Acrescentaria algum outro item? Deixe aqui seu comentário.