Se você não é do segmento da tecnologia ou não é daqueles que vive conectado, talvez não saiba. Mas quem é do ramo já sabe que esse meio de comunicação veio pra ficar.

 

Webinar é uma abreviação de “web based seminar”, ou seja um seminário realizado pela internet. Ou ainda, em bom português digital: Webinário. Esse termo é o que vem movimentando várias reuniões de negócios e rodas de discussão, além de palestras. Lembra muito aqueles filmes de ficção onde o protagonista ficava no centro em uma sala e em alguns telões suspenso, os chefões.

 

Bom, a ideia é a mesma o que muda é o cenário. E existem várias plataformas que permitem que você faça um (clique aqui e conheça as principais).

 

Isso, não tem como negar, é uma evolução da comunicação. Antes nosso meio principal para nos comunicarmos eram as cartas, evoluímos para o telefone, tão logo surge o e-mail, então veio o chat, que trouxe áudio e consequentemente o vídeo. Então surge a conversa via áudio e vídeo em grupo (quem não se lembra do saudoso MSN Messenger?).

 

Pois é, hoje já existem várias plataformas que fazem as antigas videoconferências, como o Facebook, Skype, GTalk, etc.

 

 

Mas qual a vantagem de se fazer um Webnário?

 

1 – Com a tecnologia atual e ferramentas como essas, reuniões podem ser alcançadas em qualquer lugar.

 

2 – A quantidade de pessoas a participar. Dessa forma você não depende de local físico que suporte tantas pessoas. Pode-se fazer tanto com 5 pessoas, como com centenas.

 

3 – Há vários níveis de interatividade possíveis. Podem ser feitas votações e pesquisas; além de exibidas, perguntas e respostas.

 

4 – Obviamente  a locomoção, ou melhor, a não-locomoção. A audiência será onde você mais se sentir confortável.

 

Essa é uma realidade já bastante usada. Acostume-se com a ideia!

 

E se você pretende fazer um webinário, conheça as principais plataformas para a realização de webinários ao vivo.