A empresa Criteo S.A. divulgou uma análise do e-commerce brasileiro e mundial em relação aos três primeiros meses de 2018. O estudo analisou dados de navegação e de compra e venda de mais de cinco mil varejistas em mais de oitenta países. De acordo com a pesquisa, as transações realizadas através do mobile já equivalem a 50% de todas as vendas online do país.

analise de resultados e gráficos

Dados da pesquisa

 

O relatório aponta que os varejistas que possuem aplicativos próprios têm cerca de um terço (30%) dos pedidos no mobile feitos nesses canais. A taxa de conversão em aplicativos de compras chega a ser 200% maior do que a taxa na web mobile. Segundo o diretor geral da Criteo no Brasil e América Latina, Alessander Firmino, a pesquisa mostra constantes mudanças no modo como as pessoas adquirem os produtos. 

Firmino afirma que o consumidor 4.0 está em movimento contínuo e realiza pesquisas em várias telas. Além disso, ele exige das marcas uma abordagem coesa e dados específicos que possam influenciar na decisão final de compra.

pagamento realizado através de mobile

O poder dos aplicativos para o e-commerce brasileiro

 

Somente no primeiro trimestre deste ano, 50% das transações online realizadas foram através de desktops. A outra metade das vendas são feitas 35% via mobile e 15% dentro de aplicativos. Em relação ao mesmo período de 2017, os apps tiveram um crescimento de 22%, demonstrando força ainda desconhecida.

 

As vendas feitas via dispositivos móveis registraram um aumento de 48%. Entretanto, as vendas por meio de tablets e desktops apresentaram uma queda de 24% e 15%, respectivamente. Mesmo assim, o desktop continua sendo o principal ponto de vendas durante o horário comercial. Os consumidores usam os celulares para comprar durante a noite e aos finais de semana.

 

E aí, amigo, vai aproveitar a ascensão do mobile para investir no seu app?