Sabemos que a maioria das pessoas não se sente muito segura quando andam pelas ruas de suas cidades, mas agora o medo passou a ser comum também no ambiente online. Em uma pesquisa recente desenvolvia pela Avast, especialista em produtos de segurança digital, foi constatado que 65% dos brasileiros se sentem ameaçados pela espionagem na internet. O receio é que as câmeras e webcams acopladas aos computadores sejam invadidas e a privacidade do usuário seja exposta.

Canadenses e americanos, por exemplo, também não se sentem tão seguros, pois 61% deles revelaram que também têm receio de terem a câmera do computador hackeada. E o que contribui para esse sentimento das pessoas é a facilidade que a violação pode ser feita, já que os programas necessários para invadir uma webcam são de fácil acesso (até mesmo gratuitos).

65 brasileiros sentem ameaçados espionagem internet

Pesquisa online

A pesquisa foi feita no mês de outubro com a participação de usuários de diversos países. Através dela, foi possível perceber que o brasileiro é o mais consciente em relação a capacidade que outras pessoas têm em invadir os dispositivos dos computadores, como as câmeras e webcams.

Em escala mundial, 40% dos usuários desconhecem a possibilidade de se invadir o computador de outra pessoa à distância, mas quando a mesma pergunta foi feita para os brasileiros, metade afirmou saber dessa possibilidade. A webcam, além de ser um alvo fácil, disponibiliza imagens que comprometem a privacidade do usuário.

65 brasileiros sentem ameaçados espionagem internet 01

Invasão de privacidade

Apesar do brasileiro ter se mostrado consciente em relação aos ataques, apenas 37% revelou que de fato faz algo efetivo para evitar a invasão de hackers. Já os americanos e canadenses se mostraram mais proativos, pois 52% e 55%, respectivamente, disseram que cobrem a webcam do computador com algum utensílio.

Recentemente uma imagem circulou na internet ao qual Mark Zuckerberg foi visto tampando a câmera do seu notebook com um pedaço de papel. Além dele, o próprio TO e EVP Consumer Business na Avast, Ondrej Vlcek, revelou que cobrir a câmera é o ideal para evitar preocupações futuras. Vale destacar também que recentemente o Avast revelou que 20% dos dispositivos da Internet das Coisas são vulneráveis a ataques cibernéticos.

E aí, amigo, você se preocupa com a invasão de hackers à sua webcam?