O último relatório publicado pelo Twitter mostrou que os últimos meses não foram os melhores da empresa. Segundo os dados apresentados, mais de um milhão de americanos abandonaram a rede social no segundo trimestre, o que deixou os investidores um pouco desmotivados com a rede social. Em números, ou melhor, em dólares, isso representou a perda de US$ 116 milhões, um pouco mais que o déficit no mesmo período do ano passado, que foi de US$ 107 milhões. Confira no vídeo:

Redução de investimento

Isso mostra uma preocupação de ordem financeira que novamente vem à tona, já que entre abril e junho de 2017 os anunciantes retiraram um investimento de aproximadamente US$ 489 milhões de dólares. A companhia acredita que haverá uma recuperação em breve e os valores são fruto de ações pontuais. Apesar do que foi apresentado, o Twitter afirma que cresceu aproximadamente 12% nos últimos 3 meses se comparado ao mesmo período de 2016. Esse discurso não entusiasmou muito os investidores, tendo em vista a queda no número de usuários no país.

1 milhao americanos deixaram usar twitter 01

Mais engajamento

Embora a pesquisa não se mostre muito animadora em alguns aspectos, os anunciantes encontraram motivos para comemorar. Comparado ao segundo trimestre de 2016, em 2017 os usuários da rede social se mostraram muito mais engajados aos anúncios na plataforma, com um aumento de 95% em cliques.

Para a empresa, os cortes recentes no quadro de funcionários tornaram possível uma otimização de processos, deixando as atividades mais eficientes e rápidas. Para o CEO Jack Dorsey, as mudanças que ocorreram nos últimos meses são consequência da nova era que o país está vivendo, como a alternância na presidência dos Estados Unidos, que interfere diretamente no modo de agir de toda população.

E aí, amigos, vocês acham que o Twitter está perdendo força? Compartilha aí sua opinião com a gente.