Quem trabalha com mídias sociais já está acostumado com o ambiente de marketing digital e sabe como funciona uma campanha de marketing digital e quais são as características de cada canal de mídia social. Mas como colocar no papel as principais questões dos clientes que desejam o seu serviço?

 

Já conhecido pela maioria dos publicitários, o briefing é um documento de resumo da empresa que vai ser atendida pela agência, consultor ou freelancer. Lá estão todas as informações relevantes sobre ela e a atual situação dela no mercado. É a partir do briefing que os publicitários criam peças, anúncios e campanhas inteiras.

 

 

 

 

O briefing é útil para mídias sociais?

 

É possível gerenciar uma campanha nas mídias sociais para uma empresa que você só conhece o nome, mas não sabe quais são os produtos, os serviços, a localização, o horário de atendimento, o público-alvo ou identidade visual? Não!

 

Sem esse conjunto de informações fica praticamente impossível criar, ao menos, uma página no Facebook para esta empresa. Mas fique tranquilo, você não precisa ser um publicitário com anos de experiência para preencher um briefing da melhor maneira possível.

 

 

Marque uma reunião com seus clientes para reunir as informações do briefing. Foto: Pixabay

Marque uma reunião com seus clientes para reunir as informações do briefing. Foto: Pixabay

 

 

Como montar um briefing para meu cliente de mídias sociais?

 

 

1 – Informações do Cliente

Preencha as principais informações do seu cliente, até mesmo aquelas que você não vai divulgar em alguns canais. Nome, endereço e telefone são essenciais.

 

2 – Qual é o negócio da empresa e seu tempo de mercado?

Área de atuação da empresa, categoria de mercado. Se o cliente já estiver há algum tempo no mercado, verifique se já fez alguma campanha de mídia social.

 

3 – Produtos e serviços

Produtos, serviços e outras atividades da empresa devem ser colocados aqui.

 

4 – A empresa já está em alguma mídia social?

Se a empresa já está no Facebook, por exemplo, será necessário avaliar qual é a linha de comunicação que estava sendo utilizada para entender melhor os gostos do cliente

 

5 – Como a empresa gostaria de ser vista?

A resposta definirá o posicionamento da empresa no ambiente digital. O estilo, tom e formato de comunicação da empresa deverá ser baseado em como ela quer ser vista por seus clientes.

 

6 – Quem são seus consumidores?

É preciso entender o público consumidor da empresa, muitas vezes ele é diferente do público-alvo desejado e você precisará reverter isso.

 

7 – Qual o público que você quer atingir?

Idade, sexo, interesses e até locais de trabalho são dados possíveis de ser utilizados em campanhas de marketing digital.

 

8 – Qual o objetivo das mídias sociais?

Relacionamento, resolver problemas, presença digital, aumento de vendas, promoção e divulgação da marca são objetivos que devem ser levados em conta antes de entrar nas mídias sociais.

 

9 – Existe alguma identidade visual?

Se o cliente já possuir uma marca bem definida, com padrão de cores, fontes, logotipos e todos os outros aspectos que são criados em uma identidade visual, você deverá usá-los em todas as comunicações da empresa nas mídias sociais.

 

10 – O que você não gosta em uma mídia social?

É nesta parte que você percebe quais são os principais tipos de postagens e conteúdos que o cliente vai preferir que você utilize nos canais escolhidos. Algumas vezes você deverá convencer ele ao contrário, se você identificar que a marca dele pode usar emojis em postagens, por exemplo, faça o teste e mostre que o público-alvo é mais jovem e aberto em relação a conteúdos interativos!

 

Digaí, você já utilizou um briefing antes de criar perfis nas mídias sociais para seus clientes? Como você costuma fazer, envia por e-mail ou preenche após uma reunião com eles? Responda nos comentários e fique ligado nas novidades do Digaí sobre mídias sociais.