Betsy Kent, expert em marketing digital, foi pega de surpresa quando um de seus clientes lhe fez a seguinte pergunta: “Afinal, existe diferença entre artigos e posts de blogs?”. Sendo ela também uma blogueira especializada em SEO, Mídias Sociais, blogging e desenvolvimento de sites, decidiu responder a essa pergunta no Social Media Today, site para o qual escreve.

 

Betsy confessou que ela própria troca o termo “post de blog” por “artigo” o tempo todo e até se sente meio culpada por isso. Contudo, ela não deixou de enfatizar que, na verdade, existe um abismo de diferenças entre as duas coisas e eu vou compartilhar aqui com você as impressões dela (não regras) a respeito disso.

 

Artigos X Posts de blog

 

Existe-diferença-entre-artigos-e-blogs-Digai

 

E agora, qual tipo escolher?

 

Gerar conteúdo de qualidade é um investimento em tempo e energia, portanto é sempre uma boa ideia decidir bem qual tipo de texto você irá utilizar. De acordo com Kent, focar nas suas metas é o essencial.

 

Artigos: Se o seu negócio é significativamente afetado por alterações judiciais ou por pesquisas recentes, e se os seus clientes precisarem obter rapidamente informações o mais atualizadas possível, então os artigos são a melhor opção para serem divulgados no seu site. Sites de escritórios de advocacia e seguradoras, por exemplo, escolhem esse tipo de conteúdo.

 

Posts de blogs: Se sua meta prioriza melhor visibilidade em ferramentas de busca, se você pretende atrair mais seguidores para seus cursos e serviços online, e construir relacionamento com os leitores, prefira posts de blogs. Opções como WordPress tornam muito fácil o compartilhamento do seu conteúdo, além de comentários e assinatura.

 

Betsy diz ainda que é possível incluir conteúdo de ambos os tipos – artigos e posts de blog – sem medo. O conteúdo pode até ser parecido, mas a forma de escrevê-lo e o tipo de interação com os leitores é que são diferentes.

 

Qual desses dois tipos de conteúdo você acha mais eficaz?

 

Comente aqui, nós queremos saber.