“Você conhece o negócio, eu conheço de química”.

Quando o assunto é fórmula, não tem para ninguém. O professor de química Walter White, da idolatrada e super premiada série “Breaking Bad”, sabe absolutamente tudo e ainda dá uma canja para quem deseja aprender a cozin… Opa, a escrever um ótimo conteúdo web!

Aproveitando que Walter White curte uma boa e longa aposentadoria após o fim do seriado que quase lhe custou a família e o melhor amigo, resolvemos consultar a biografia do próprio para saber quais são os principais ingredientes para criar o melhor conteúdo para a web do mercado. Confere só:

1 dose de utilidade

conteudo web digai 2

Mesmo depois de entrar para o mundo do crime e se transformar em Heisenberg, White nunca perdeu a alma de professor.

Fosse dissolvendo um adversário em soda cáustica ou tentando religar uma van sem bateria no meio do deserto, ele sempre recorreu aos ensinamentos que aprendeu na academia para resolver todos os seus problemas.

E é justamente isso que um conteúdo web precisa ter: informações que realmente ensinem a resolver problemas  — independentemente do tamanho deles.

2 doses de originalidade

conteudo web digai 1

Quando Walter White, sempre desacreditado pela mulher, resolve informar pela primeira vez o quanto ele havia se envolvido com a criminalidade, usa apenas uma frase de impacto que a silencia e resume todo o conteúdo que estaria por vir: “eu não estou em perigo, eu sou o perigo”.

A frase é tão marcante que é capaz de sintetizar toda a série, assim como as chamadas “punch lines” devem fazer pelo conteúdo.

3 doses de curiosidade

conteudo web digai 3

Um dos maiores atrativos que fizeram de “Breaking Bad” um campeão de audiência no mundo inteiro foram justamente as cenas iniciais.

Cada episódio começava com um momento inusitado, que despertava a curiosidade pelo simples fato de não ter (aparentemente) nada a ver com o desenrolar da história até então — o que obrigava todos a assistirem até o fim para ver como aquela peça inicial se encaixava no quebra-cabeça do enredo.

Exatamente como deve ser o conteúdo web: curioso.

1 pitada de comicidade

conteudo web digai 4

A tensão de “Breaking Bad”, por exemplo, é quebrada com maestria pelo personagem do advogado picareta Saul Goodman, que, com muitas frases e trocadilhos engraçados, acaba roubando a cena. Seu papel foi tão importante na série que ele acabou ganhando uma só sua, a bem-sucedida “Better Call Saul”.

Leve ao forno com coerência

conteudo web digai 5

Ao roteirizarem “Breaking Bad”, os escritores tinham um grande desafio: como tornar um personagem de boa índole em um dos maiores vilões da TV sem que a audiência rejeitasse a trama logo de cara?

A solução foi traçar a trajetória errática de White em 5 temporadas bem delineadas para desmontar o caráter de White gradualmente, o que facilitou a compreensão do público sobre o objetivo principal da série: a transformação de pontos de vista sobre o que é certo e errado.

Um conteúdo web também precisa apresentar certa coerência, sob o risco de não ser compreendido pelos leitores.

Adicione SEO ao conteúdo web

conteudo web digai 6

Em pouco tempo, a metanfetamina produzida por White e seu parceiro Jesse Pinkman dominou o mercado, graças a sua qualidade incomum.

É que, além de ser composta de acordo com as mesmas receitas usadas por todos os concorrentes, a habilidade de White para lidar com químicos dava um toque de pureza à droga, que agradava em cheio os usuários acostumados a produtos grosseiros.

Da mesma forma, posts e artigos para a web devem ser otimizados de acordo com o SEO, mas sempre abrindo espaço para aquele “algo a mais” que fará o “produto” se destacar perante a concorrência.

Sirva com estratégia

conteudo web digai 7

Lembre-se que, por mais que White conhecesse fórmulas e mais fórmulas de química, ele só conseguiu entrar no negócio com a ajuda de Jesse, um traficante que já conhecia as maldades do esquema. Fazendo um paralelo, em se tratando de redação para web, não adianta ser um grande escritor se você não souber adequar o conteúdo à estratégia.

Assim como o sucesso de um pacato professor de química como traficante de metanfetamina é explicado pela conjunção de vários fatores – como a aliança com Jesse e o expertise sobre substâncias químicas, os resultados que um conteúdo web venha a gerar também dependem de itens como os que citamos acima.

É claro que, receita, cada um tem a sua, mas seguir o passo a passo de quem já conhece o caminho para chegar lá é um ótimo atalho.

Yo, Bitch!

E aí, o que achou da fórmula de Heisenberg para o conteúdo web? Deixe sua opinião sobre o post – e claro, sobre o seriado também!