Facebook divulga mudanças na forma de cobrar seus anunciantes com foco nas pequenas empresas. Hoje em dia cadastramos um cartão ou uma conta no Paypal e o Facebook sai debitando diariamente o valor gasto em anúncios na plataforma. Com o objetivo de tornar mais rápido e simples, agora essa cobrança será feita quando o anunciante atingir seu limite de faturamento ou chegar no final do mês.

 

851586_294567677357515_822335559_n

 

O limite de faturamento foi justamente outra mudança legal anunciada. Ele funcionará basicamente como um cartão de crédito no Brasil, em que você parte de um limite pré-aprovado (no caso do Facebook U$ 25) e após cada pagamento seu limite aumenta em mais U$25 dólares, até chegar a U$2.500. Lembrando que essas mudanças buscam facilitar a vida das pequenas empresas, por isso, algumas pessoas podem achar esses valores baixos.

 

Mas você pode consultar o limite do faturamento no seu gerenciador de anúncios e, se quiser gastar mais que os 2,5 mil dólares, basta solicitar o aumento do limite neste formulário. Todas essas mudanças chegarão aos usuários gradualmente nas próximas semanas, mas para outras moedas, onde é preciso fazer a conversão para o dólar, como no Brasil, elas podem demorar um pouco mais.

 

É bom ficar sempre atento a pagina de negócios do Facebook, o Facebook for Business, já que eles estão trabalhando forte para deixar cada vez mais simples essa operação financeira para as pequenas empresas. Porque, mesmo sendo um mercado enorme, os pequenos empresários são os que tem menos intimidade com a plataforma e por isso maior receio na hora de investir.