Lisboa recebe, pela primeira vez, o Web Summit, o ecossistema acolhe o encontro e se prepara para ter um impacto maravilhoso para Portugal.

Você já ouviu falar no Web Summit?!

alphagamma-web-summit-2016-opportunitnies-millennials-entrepreneurship

É agora em novembro. Web Summit! Não se fala em outra coisa em Portugal, o maior evento de empreendedorismo, tecnologia e inovação da Europa. Pois é, não é pra menos. Todos querem tirar proveito desse encontro, ou seja, Portugal e o mundo. A terra lusitana está esperando um grande impacto positivo com as novas tecnologias disruptivas. Lisboa vai sediar o evento nas próximas três edições (2016,2017 e 2018), o que certamente será uma importante sacudida no ecossistema nacional.

Já nos números o Web Summit fala por si só, são 50.000 CEOs de tecnologia, fundadores, startups, investidores e líderes políticos estão se unindo em Lisboa para esse grande evento. Você também pode ver por outro ângulo, como esses milhares de participantes, mais de duas mil empresas, mil investidores e 650 oradores das maiores tecnológicas globais vão estar à procura de respostas para as questões colocadas pela revolução da tecnologia que estamos vivendo.

Onde acontece o Web Summit

O escritório da Web Summit será o primeiro a integrar o novo Hub Criativo de Lisboa, em Marvila, num antigo armazém militar, um espaço de 3 mil metros quadrados cedido pelo Ministério das Finanças e da Defesa. Também, na edição deste ano do Web Summit vai ter lugar o Lisbon Global Forum, iniciativa que vai dar espaço para que oradores e participantes troquem pontos de vista. Presidente da Assembleia Geral da ONU e diretor-geral da Organização Mundial do Comércio marcam presença.

Segundo o site do evento, as soluções devem procurar uma visão sistêmica para que se possa atuar em sinergia quando as mudanças são predominantes. A tecnologia muda as pessoas, e elas devem saber como fazer melhor com isso:

“Já não existe tal coisa como uma indústria ‘tecnologia’ – apenas as indústrias que tenham sido afectadas por tecnologia. Assim como a primeira revolução industrial há 250 anos deixou uma marca indelével nas vidas das pessoas que a viveram, tecnologia está virando de cabeça para baixo tudo o que pensava sobre o trabalho, a interação social, política e da própria vida.”

O caminho natural em resposta às mudanças é saber “O que está acontecendo?” Como a organização do evento diz, “Como vamos consumir e criar conteúdos?” 

O Web Summit, ContentMakers é o espaço dedicado para discussão sobre qual conteúdo criar, como distribuir e, talvez mais o importante, como monetizar isso. Vamos conhecer melhor a comunidade digital de Lisboa, uma cidade pela qual eu sou particularmente apaixonado.

Estou em Lisboa, nessa atmosfera fantástica para conhecer melhor as principais tendências de comunicação, marketing e tecnologia, portanto, aguardem novidades.

Quer saber algo em especial?

Manda sua mensagem!

Até breve!